Leia as cartas das comunidades Guarani e Kaiowá entregues hoje à Funai, Secretaria Especial dos Direitos Humanos, Secretaria Geral da Presidência e à Presidência da República.